MPF e PF investigam corrupção no fornecimento de dispositivos médico-hospitalares no RS

O Ministério Público Federal em Passo Fundo (RS) e a Polícia Federal deflagraram, na manhã de hoje (5), operação para desarticular esquema de corrupção no fornecimento de dispositivos médico-hospitalares. Em continuidade às apurações da operação Efeito Colateral, a ação de hoje envolveu 35 policiais federais que cumpriram seis mandados de busca e apreensão.

Esta fase da operação visa apurar a conduta de um delegado de Polícia Federal que teria deixado de investigar fato criminoso em Inquérito Policial requisitado pelo MPF. Também foram identificados recebimentos de valores supostamente indevidos por parte do servidor. Verificou-se ainda que o policial adquiriu cotas sociais de uma empresa que atuava no ramo da importação, exportação, distribuição e comercialização de equipamentos e materiais médico-hospitalares. Além do servidor, que foi afastado das funções por decisão judicial, outras pessoas são investigadas nesta fase, entre elas um médico.

Os investigados poderão responder pelos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, falsidade ideológica e associação criminosa.

 

Matéria extraída do site: http://www.mpf.mp.br/rs/sala-de-imprensa/noticias-rs/mpf-rs-e-pf-investigam-corrupcao-no-fornecimento-de-dispositivos-medico-hospitalares