MP INVESTIGA FRAUDE NO TRANSPORTE ESCOLAR DE IPÊ

Mandados de busca foram cumpridos em setores da administração pública de Ipê e residências

 

A Procuradoria de Prefeitos cumpre, na manhã desta terça-feira, 19, cinco mandados de busca e apreensão na Prefeitura de Ipê, Secretaria Municipal de Educação da cidade, na Escola Estadual de Ensino Fundamental São Paulo e em duas residências em uma investigação contra fraudes na licitação para contratação e execução dos serviços de transporte escolar. Os mandados são cumpridos com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate à Organização Criminosa (Gaeco) e da Brigada Militar. A operação é coordenada pelo promotor da Procuradoria de Prefeitos Heitor Stolf Júnior e tem a participação do promotor Rodrigo López Zilio.

Conforme as investigações, foi montado um esquema envolvendo integrantes da administração municipal e pessoas ligadas à empresa Cemin Tur Ltda. para direcionar a licitação do transporte escolar relativo ao ano letivo de 2017. Há suspeita de superfaturamento de pagamentos e cinco aditivos ilegais em 2017 e 2018. De acordo com as investigações, o transporte era feito em carros de passeio e um dos motoristas investigados sequer teria idade mínima para poder dirigir, além de superdimensionamento da quantidade de quilômetros rodados.